quarta-feira, 9 de abril de 2008

Mendigo daqui fala japonês

Mendigo no Japão?! Para quem não conhece o país, essa combinação “mendigo e Japão” pode parecer errônea. Mas a verdade é que aqui também tem mendigo pelas ruas. Eles são igualmente mal vestidos - alguns até nem tanto - , ficam perambulando pelas ruas e dormem em papelões.

Sim, esse até que nem parece um mendigo, mas tem cada um que eu vou te contar. Até fedem. E o pior de tudo, pasme, eles andam de trem!!! Claro que não constantemente e nem todos fazem isso, mas já vi milhões de vezes mendigos dentro do trem. É fácil saber quando tem um dentro, porque, sem brincadeira, o cheiro é tão forte, que perto dele fica tudo vazio. É como se o cheiro criasse uma redoma. Imagine você, em pleno horário onde o trem estaria cheio, e quando abrem-se as portas, você avista uns assentos vazios! Milagre? Nada disso. É batata! Podes crer que tem algum mendigo sentado por perto!! Já tive que descer do trem porque eu não estava aguentando o cheiro. Nada contra o ser humano, mas convenhamos né...

Calma. Não sou nenhum carrasco. Já dei até uma marmita para um, quando depois de comprar, descobri que tinha ingredientes que eu não gostava. Estava chovendo, frio e quando passei por um mendigo, nem titubiei e deixei a quentinha na frente dele. A reação dele? Ficou feliz, claro. Ele só disse "Ô! Nossa...obrigado!". E eu ganhei meu dia...

A marca registrada deles parece ser um plástico azul. Parece que todos tem um. É com ele que a maioria se protege da chuva ou mesmo usa para cobrir os pertences. E olha que tem uns que tem verdadeiras casas feitas de papelão e plástico azul e um montão de coisas para guardar.

Uma grande diferença dos mendigos daqui para os do Brasil é que aqui eles têm uma denominação um tanto chique. São chamados de “homeless”. Tem gente até que chama de “sem-teto”, mas no fundo no fundo é tudo mendigo mesmo. Até alguns brasileiros que vivem aqui no Japão insistem em dizer “homeless” no lugar de “mendigo”. Eles falam: "Vi um 'homeless' tomando banho no chafariz" ou ainda, "Naquela rua tem bastante 'homeless'", e por aí vai. Por falar em brasileiros, dizem até que há muitos home...ops.. mendigos brasileiros também. Mas isso é uma coisa que eu já não posso afirmar. Também já ouvi falar que muitos deles são mendigos por conta própria.
Pensei em escrever sobre isso, primeiro porque muita gente nem imagina que um país de primeiro mundo como o Japão tenha mendigo. Detalhe: já vi turista tirando foto. Mas resolvi mesmo escrever sobre esse assunto, depois que li ontem, no jornal Asahi, uma matéria sobre um trabalho de pesquisa feito pelo Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-estar daqui, para saber um pouco mais da realidade dos mendigos. Foram contabilizados 16 mil mendigos (14.707 do sexo masculino) em todo o país. Segundo o ministério, Osaka é o lugar com a maior população de gente nas ruas. Em seguida vem a capital japonesa. Aoyama aparece em último lugar, com duas pessoas vivendo nas ruas. O mais Muito Japão dessa história toda é que o resultado da pesquisa mostra que o número de mendigos tende a diminuir. Em comparação com o resultado da pesquisa anterior, foram contabilizados 2.500 mendigos a menos. Ainda segundo o ministério, essa tendência pode estar ligada a melhoria das condições de emprego das grandes cidades ou ainda se dar graças à ajuda proporcionada pelas prefeituras locais.
E por falar em "homeless" (entre aspas, por se tratar de uma palavra estrangeira), esse é o tema do livro que eu estou querendo ler: ホームレス中学生 (eu traduziria como "Estudante Mendigo"). O livro conta a história do hoje comediante Hiroshi Tamura, que viveu uma época de mendigo quando era mais jovem. No livro, ele relata fatos comoventes daquela época e conta que já teve que comer papelão, por não ter o que comer e estar faminto... Bom, ficamos então com nosso vocabulário de japonês. Para hoje, um sinônimo para estas pessoas que vivem nas ruas. A palavra é 路上生活者 (rojooseikatsusha), ao pé da letra, "pessoa que vive na rua".

11 comentários:

Andarilho disse...

Vc mesmo tirou as fotos dos homeless?

É, o povo acha que no Japão tudo são flores...

Só pra complementar, acho que o seu post fica bem complementando esse outro aqui (ou vice-versa), do nipocultura: Sem-tetos no Japão

Kiki disse...

Eu já tinha lido sobre os mendigos do Japão, mas não com tantos detalhes como aqui no blog!

Falando em gente fedida, hoje tive que aturar uns meninos que tinham acabado de sair do clube de futebol, isso nunca aconteceu antes, mas eu mal conseguia respirar! Acho que faço idéia bastante clara dos mendigos daí! :D

Baiano disse...

Sem-teto no Japão? Brasileiro morador de rua no Japão? Estamos globalizando o jeitinho brasileiro de sobrevivência! Cadê o bolsa-família japonês?

Kendier disse...

O local onde vi mais mendigo foi quando fui em Ikebukuro. Sabe me informar se é o local onde tem mais mendigo em Tokyo?

Kazu disse...

esse livro tava fazendo bastante sucesso... e ai, eh bom???

C@ruso disse...

Você sabe que no outro dia estava almoçando com um japonês, tipo Sr. Miyagi e ele comentou que expressões como Homeless, eram novas e ele não conhecia. Assim como você comentou que alguns brasileiros ainda falam gírias antigas porque não conversaram com ninguém que "fornecesse" um update. Interessante isso !

Anyway, é lamentável essa situação em qualquer lugar.

Bjs

Myogen disse...

Nossa, tô chocado... Imaginei que não tinha mendigo de jeito nenhum no Japão!!! Do jeito que eles são organizados ao extremo, imagino que teria um albergue onde todos morassem, hehehe... É, a coisa tá difícil até pra japonês!!! :-D
Abraços!

Selinha disse...

kkkkkkkkkk kd o bolsa familia no japao ?! [baiano sem noçao xD] nossa e o melhor...
eles falam japonês *___*

kara é deprimente saber que o mendigo fala mais japones ke eu !!!

é o brasil invadindo o japao daki a poco vamos ver favelas por ai xD

:****

Anônimo disse...

Saber q tinha eu sabia... mas não pensava muito sobre isso... e na verdade achava q nem era tantos assim.... num pais d Primeiro mundo como o Japão... me diz... vc sabe se os japoneses tem preconceito com pessoas mais escuras ???? eh soh uma outra duvida.


Adoro seu blog, (^o^)/

Geizon ー ロベルト ジェイゾン disse...

Muito bom post!

TEm gente que ainda duvida!

Falando nisso tem um filme muito bom que trata mais ou menos desse assunto. Chama-se daremo shiranai, em português ficou "ninguém pode saber".
Vala assistir.

Parabéns pelo Blog, tô acompanhando sempre que posso!

Até mais!

itsanada disse...

Mas uma coisa interessante: os homeless do Japao dificilmente pedem dinheiro (pelo menos os daqui); coisa que acontece com frequencia no Brasil, por exemplo.