sábado, 12 de julho de 2008

Papel de bala japonês

Dia desses eu estava com uma colega no trem na volta do trabalho. Enquanto ela conversava comigo, ela tirou uma caixinha de bala do bolso e gentilmente me perguntou se eu queria. Eu disse que não. Ela, então, faz um gesto de “tá bom, mas eu quero” e, tirou da caixinha uma bala em forma de cubinho embrulhada num papel transparente.
Ela guardou a caixinha na bolsa e sem perceber, colocou a bala com papel e tudo na boca. Eu, involuntariamente, começei a rir sem parar. Não conseguia nem dizer a ela que ela havia botado a bala na boca com papel e tudo. Mais desesperado eu fiquei, porque enquanto eu não conseguia explicar direito o que estava acontecendo, ela seguia mastigando a bala com papel.... Eu falei: a bala! Você não tirou o papel da bala!
E foi então a vez dela começar a rir sem parar. Mas sem cuspir a bala. Eu não entendi absolutamente nada. Éramos dois loucos riando à toa, em revezamento, enquanto um dos loucos chupava uma bala com papel e o outro ficava com cara de tacho! Quando finalmente ela terminou de rir, ela me explicou que o papel da bala era feito de um material comestível!!! Ainda completou: "eu nunca tirei o papel dessa bala para comer!!" Ela explicou que o tal papel é feito com não sei o que de arroz. Alguns chamam até de "rice paper" ou "papel de arroz" e que por isso pode comer à vontade! Moral da história: os japoneses não vêem nenhum problema em chupar bala sem tirar o papel. (risos)
Detalhe: a bala existe desde 1926! Isso mesmo, mil novecentos e vinte e seis, e desde então conserva a mesma embalagem e a mesma receita. Encontrei por acaso o cartaz de quando a bala foi lançada!!
Atente para a palavra que aparece no anúncio e aproveita já fica sendo a palavra de hoje: 新発売 (shinhatsubai). A palavra é formada pelos ideogramas "novo(新)+ início das vendas(発売)" e aparece sempre em anúncios de produtos novos no mercado.

8 comentários:

Remulo Brandao disse...

Júlio Parabens pela excelente matéria na revista MAG, li e fiquei mais apaixonado pelo japao e a cultura japonesa! Estudo Design de moda e com certeza logo eu formo e vou ai conhecer de perto isso tudo ai!
Agora serei visitante do seu blog!
Novamente parabens pela matéria!!!

Nina (^▽^)/ disse...

Ola!Gostei do post!rs.
Dei muitas risadas so de imaginar voces dois no trem!rss...

Ah!Esse tipo de papel tambem e usado para tomar remedios em po!

Uma vez vi uma amiga minha japonesa colocando esse remedio em po nessas folhas de papel e dando para o filho dela e levei o maior susto tambem!rsss..
Ai, que ela me explicou que o papel era comestivel e que era muito util, pois ficava mais facil do filho dela engolir todo o remedio, por ser amargo!rs.

Otimo domingo!
Abracos, Nina.

Takeo Maruyama disse...

Eu conheço essas balas desde 83, mais ou menos, quando ainda morava no Brasil. A minha tia sempre comprava produtos japoneses na Liberdade e eu sempre ia brincar na casa dela. Um dia ela me ofereceu essas balas e eu estava tendo um certo trabalho pra tirar o papel (que se desmanchava facilmente), até que ela me explica que é pra comer com papel e tudo, depois de dar muita risada, he, he, he.

Gárgula disse...

Simplesmente sensacional!!!!

Ju Lee disse...

Se o embrulho nao é pra tirar, porque tem embrulho?
Hé, eu sempre vejo o seu blog e, só pro curiosidade...como é o teclado japonÊs??tem uma tecla pra cada kana?e os kanjis?

L disse...

Mas agora eu me pergunto, se o papel é comestível, pra q ele serve? Teoricamente era pra proteger a bala, mas se vc come nao ajuda em nada... virou enfeite.

Fernando disse...

Nossa essa eu não sabia! Vou procurar essa bala na próxima vez que eu passar na Liberdade. hehehehe

Bruner disse...

o papel tem gosto de que? arroz, bala, ou papel?